A gengiva saudável apresenta coloração que vai do róseo pálido para o róseo coral, com contornos regulares em forma de arco, firme, aderida ao redor dos dentes e com textura superficial, semelhante a uma “casca de laranja”. Ao se observar algo diferente, o ideal é procurar orientação, pois você pode está sofrendo de doença Periodontal.

A Periodontia é a especialidade que trata a doença periodontal, que acomete os tecidos de suporte do dente na boca (gengiva, ligamento, cemento e osso alveolar). Cerca de 78% da população brasileira sofre desse mal. No entanto, diferentemente da cárie, a dor, nessa enfermidade, se manifesta geralmente apenas em casos avançados, o que faz com que o indivíduo demore a procurar um tratamento especializado contribuindo para a perda precoce de seus dentes, sem que exista nenhuma sintomatologia dolorosa.

Sua principal causa é a placa bacteriana que se acumula sobre as superfícies do esmalte dentário e no sulco gengiva. Na tentativa de se defender da agressão causada por estas bactérias, a gengiva inflama, passando a sangrar com facilidade, caracterizando a gengivite.

Com o passar do tempo, esta placa bacteriana passa a ser calcificada pela saliva, dando origem ao cálculo salivar (tártaro). Esses cálculos não são mais removidos com a escovação normal e só tendem a aumentar de tamanho, uma vez que agem como fatores retentivos de mais placa. Com a progressão da doença, essa inflamação, que antes existia apenas na gengiva, passa para os tecidos ósseos de suporte, que começa a ser reabsorvido, fazendo com que o dente comece a perder inserção, caracterizando a doença periodontal.

Em estágios ainda mais avançados, onde o suporte ósseo já é insuficiente, o dente passa a apresentar mobilidade, o que pode levar à perda do dente. Além da placa bacteriana, vários são os fatores contribuem e aceleram a destruição da doença periodontal, tais como fumo, alterações hormonais da gravidez, trauma oclusal, diabetes, entre outros, por isso que esta doença deve ser tratada o mais rápido possível para que os danos causados sejam minimizados.

Os periodontistas são dentistas habilitados para cuidarem dessa área e o tratamento consiste na remoção da placa bacteriana e do cálculo gengival por meio da raspagem e conseqüentemente, no controle da inflamação gengival, da dor, das bolsas periodontais, da coleção purulenta (pus) e da infecção; preservando a gengiva e a quantidade de osso. O procedimento de raspagem do tártaro pode ser realizado com instrumentos manuais ou com ultra-som, dependendo da área de acesso.

As cirurgias periodontais são indicadas quando o acesso para a descontaminação da raiz é difícil e na existência de bolsas com cálculos em regiões muito profundas. Em resumo, o objetivo do periodontista é promover e manter a saúde periodontal de maneira a prevenir sua reincidência, preservando e evitando a perda dos dentes e na correta orientação de higiene para cada caso.

A motivação dos nossos pacientes que sofrem de doença periodontal é a fase do tratamento mais difícil e importante, pois temos que reeducá-lo em relação aos seus hábitos de higiene bucal e, em particular, fazê-lo compreender como é importante o controle mecânico da placa bacteriana periódico.

A Clinilan Odontologia possui os mais modernos equipamentos disponíveis, tais como ultra-som, jato de bicarbonato, verniz com flúor de última geração, entre outros para o tratamento e controle desta enfermidade.